26 dezembro 2016

Vai ficar tudo bem

Imagem de black and white, cool, and fabulous
Só por hoje, eu devo ter aberto aquela sua janela de mensagem umas 6 vezes. Devo ter aberto sua foto e olhado nossas antigas antigas fotos o dobro disso, e devo ter sentido sua falta só hoje, a cada hora que se passa no relógio e que não podemos estar juntos.
Se lembra de quando planejamos tantas coisas? Nossos dias eram tão intensos e cheios de risadas, amor, carinho e respeito.
Faz tempo que nenhum cara consegue pegar na minha mão e me transmitir paz como você fazia. Faz tempo que nenhum cara consegue me olhar nos olhos e me entender sem eu ter de abrir a boca. Faz tempo que eu fui amada e que eu pude amar.
Eu que não dava nada para o nosso amor, acabei achando uma aventura completamente louca, já que não tínhamos o apoio de ninguém e você conseguiu descobrir sozinho que minha mãe não gostava tanto assim de você para nos ver juntos.
Mas não ligávamos, afinal, tínhamos um ao outro, certo? Eramos confidentes, amigos de longa data.Pensei até que nosso romance seria igual ao de filmes, mas acabou sendo de mini-séries, de tão rápido que tudo passou.
Você escolheu ir. Mas não consigo entender. Qual estava sendo o problema comigo? Com nós? Ou tudo não se passou de uma imaginação e minha mãe estava certa sobre o que ela me dizia de você? Por favor, não me diga que ela estava certa.
Mas não adianta.Já se passaram meses e eu deveria ter superado tudo isso, toda essa nossa micro-história. Mas o problema de superar é que nenhum cara era como você, e nenhum me bagunçou aqui dentro que até hoje não consigo arrumar.Vai ficar tudo bem, era o nosso lema para enfrentar os dias ruins. Mas agora, esse é o lema que digo todos os dias a mim mesma, já que não te tenho mais ao meu lado. Vai ficar tudo bem, é o que eu espero para nós.

© Versos de Inverno - 2017. Todos os direitos reservados.
Criado por: Tauani Cruz Tauani Cruz.
Tecnologia do Blogger.
imagem-logo