16 maio 2017

Suas expectativas foram muitas, rapaz.


Você sabe que fugir não vai dar certo. Ela sempre vai aparecer na sua memória uma vez ou outra, ou até quem sabe, todos os dias. Você vai ficar ai, se remoendo, seus pensamentos a mil, procurando onde errou ou onde deixou de fazer, a culpa é sua, claro. A culpa sempre é nossa quando algo bom acaba.
Mas não pode ser assim, estava tudo tão encaminhado, estava tudo tão certo dessa vez. Vocês se gostavam, era verdade, mas não gostavam o suficiente,pelo menos, não tanto quanto você pensava. Mas ai foi o problema, pensar demais não te trouxe resultado nenhum, rapaz. As expectativas eram grandes, mas a realidade era pequena demais e você se contentou com isso, que nem percebeu os sinais que ela deva, de querer partir.
E então ela foi. Fodeu, como você vai conseguir seguir assim? Ela era sua âncora, o ponto onde você sempre procurou para ser você mesmo, ela era o ponto que você nunca achou em nenhuma outra, e agora pensa, que não vai mais encontrar.
Agora, você para e pensa em tudo o que aconteceu, que as vezes, as coisas não eram tão boas assim entre vocês. Não era reciproco, seu amor era demais e sem perceber, você sufocava sua amada. Mas era amor! Qual o problema disso? O problema é que amar demais, também sufoca. Tudo em excesso faz mal.
Tá difícil seguir. Um dia você pensa "Eu esqueci" no outro, você encontra ela na rua. Ô destino, assim não fica fácil seguir em frente.  Mas é ai que tá rapaz, e você ainda não entendeu. O que é pra ser seu, foi, vai ser, aconteceu, mas o que não é mais parte de você, você precisa aprender a viver sem. Nada vai ser eterno, então, não coloque tantas expectativas nas pessoas.

© Versos de Inverno - 2017. Todos os direitos reservados.
Criado por: Tauani Cruz Tauani Cruz.
Tecnologia do Blogger.
imagem-logo